Da ilegalidade da rescisão unilateral imotivada do plano de saúde coletivo